Qual policarbonato usar?

Bastante utilizado nos mais diversos tipos de projeto, o policarbonato tem se tornado cada vez mais uma tendência na arquitetura. Devido a sua praticidade, resistência, luminosidade e facilidade de manutenção, mostra-se uma escolha certeira na hora de escolher o material certo para coberturas, divisórias e muito mais.

Mas afinal, como é feito o policarbonato?

O policarbonato é uma espécie de plástico. Derivado de resinas de carbono, tem a capacidade de amolecer ao ser aquecido e endurecer quando é resfriado. Isso faz com que se tornem diversas as possibilidades de formato desse material. Outra curiosidade é que, por mais que o policarbonato tenha essa facilidade para ser moldado conforme a necessidade do cliente, ele não possui nenhum defeito estético, tendo um acabamento perfeito, sem emendas, além de ser leve e resistente.

Para quais locais eles são indicados?

As opções de utilização são infinitas. Indo desde jardins de inverno, passando por piscinas, quadras escolares, fábricas e até mesmo estufas. Para sanar a dúvida de qual policarbonato é o mais indicado para um determinado ambiente, confira a seguir algumas das nossas dicas para escolher o melhor formato que se adapta ao seu projeto:

Para substituir coberturas de vidro com total transparência

Para quem quer abrir mão da utilização de vidro em coberturas, mas gostaria de manter o mesmo nível de transparência, a linha Compacta é perfeita para garantir o objetivo desejado. Seja nas opções retas ou curvadas, é também bastante resistente, podendo ser utilizada nos mais variados ambientes.

Para divisórias

A linha Modular da Polysistem se mostra a opção ideal para quem busca divisórias com leve transparência em ambientes corporativos, por exemplo. Essa linha é capaz de proporcionar um layout bastante moderno e que, ao mesmo tempo permite uma iluminação natural indireta.

Para coberturas com visual moderno e possibilidade de cores

A cobertura de um ambiente não precisa ter sempre o mesmo formato chapado. Prova disso é a linha Kappa, que com seu formato curvado traz o máximo em modernidade no projeto, além de possibilitar a entrada de iluminação natural. O seu diferencial está na cartela de cores, podendo ir do transparente, passando pelo branco leitoso até cores bastante vivas, como vermelho e azul.

Para ventilação natural

Muitas vezes em locais grandes como fábricas, galpões e quadras escolares é preciso ter uma fonte de ventilação natural. A linha Finestra traz essa solução: feita para uso vertical, suas aletas de policarbonato garantem ventilação permanente do espaço e, de quebra, permitem a entrada de iluminação indireta.

Agora que você já sabe qual produto usar, entre em contato com a Polysistem, solicite um orçamento e tenha a garantia de ter a melhor qualidade no seu projeto.